Buscar
  • fredericopereira191

O value investing iluminado!


Parte da capa de um dos melhores livros de investimento de todos os tempos

O value investing iluminado é um resumo do último capítulo do livro do Howard Marks, que é um dos melhores livros de investimento que eu já li: "The Most Important Thing Illuminated".


Escrevo esse texto na quinta-feira, dia 05/03/2020, quando o Ibovespa testou pela segunda vez a região dos 100 mil pontos depois de fazer máxima a 120 mil.


Você pode imaginar a pressão negativa em todos os investidores com os preços das ações caindo, isso aconteceu pelo pânico que se instalou nos mercados com a possível proliferação do Coronavírus no Ocidente.


Obviamente, não tenho a menor ideia de quando o Ibovespa voltará a fazer novas máximas, mas momentos como esse diferenciam os investidores vencedores dos perdedores e os ensinamentos do livro em questão são exatamente sobre isso.


O capítulo aqui resumido é o último do livro, onde o Marks "conecta os pontos", junta todos os ensinamentos explicados no livro. Espero que sirva de inspiração tanto para meus queridos amigos que lerão esse texto amanhã, como para outros investidores que venham a visitar o blog em busca da sabedoria do value investing!


Valor

A primeira e mais importante ideia de todo investidor deve ser saber o que está comprando, saber quanto vale de verdade, quanto vale os bens físicos do ativo, saber quanto gera de lucros e qual perspectiva disso aumentar.


Você só vai conseguir evitar comprar por um preço muito acima do valor, ou ter a coragem para comprar a um preço muito baixo quando ninguém quer, se você tiver uma forte convicção de quanto vale o ativo. Então isso é essencial para fazer investimentos.


Preço importa

Se você sabe quanto os ativos valem, você pode escolher pagar por eles um preço justo, o que é fundamental para que você tenha a tranquilidade para dizer não, quando a maioria diz sim.


É a consciência de comprar barato que vai te impedir de comprar pagando um preço muito mais alto que o valor, o que a maioria faz quando um ativo é queridinho do mercado por ser "de qualidade". Assim como ter a tranquilidade de comprar quando o mercado rejeita um ativo por não ser "de qualidade".


Os ciclos

Tanto a economia, quanto o mercado se movimentam em ciclos; e a curta memória financeira da maioria faz com que eles achem sempre que o movimento mais recente se perpetuará para sempre, isso gera uma sequência infeliz de erros.


Essa ideia errada empurra os mercados para extremos de alta, as bolhas, e extremos de baixa, os pânicos. O bom investidor precisa ter esse processo em mente, pois ele faz parte da natureza dos mercados.


Obs.: recomendo o vídeo do Ray Dalio sobre ciclos, clique aqui pra assistir.


O pêndulo do mercado

Esse comportamento de altos e baixos, também se manifesta no curtíssimo prazo, pois os mercados vão da euforia ao desespero em curtos espaços de tempo, o que faz com que a evolução dos preços seja parecida com um pêndulo.


O pêndulo na recente tendência do Ibovespa

O value investor evita participar da tentativa de adivinhação que o pêndulo gera, adotando a estratégia de aproveitar essa características apenas para alavancar resultados.


Seja contrário

O value investor se comporta como contrário no ciclo e no pêndulo, isso é parte importante da capacidade que ele tem de superar o mercado no longo prazo.


Isso quer dizer que ele é o vendedor quando o preços estão muito altos, ou que ele não é um dos que mais vai ganhar na euforia; assim como ele é o comprador no desespero, sendo o que menos vai cair nas quedas.


Cuidado com a sua mente

Ganância, medo, racionalização ingênua, conformismo, inveja, ego e falta de convicção fazem parte da natureza humana. Você não deve esperar não sentir essas coisas, faz parte, mas é preciso lidar com elas. A razão tem que superar a emoção.


Mantenha as ideias de valor, comprar barato e ser contrário em mente, exercite-as e resista, pois você já sabe que o mercado costuma exagerar. Você precisa se manter firme para fazer o que é correto.


Consciência do presente

É impossível prever quando um ciclo de alta ou de baixa vai terminar, ou seja, prever o futuro, mas é possível ter uma boa ideia do momento, se estamos num ciclo de alta ou de baixa, se a maioria está eufórica ou desesperada.


Entender como a maioria está é o suficiente, desde que você lembre que você quer ser medroso quando a maioria estiver eufórica, e ser corajoso quando a maioria estiver desesperada.


Convicção e paciência

Se você compra com base forte em valor, a um preço baixo em relação ao valor e quando a maioria não quer o ativo, então você pode ter a convicção necessária para ganhar dinheiro, mas isso não é o suficiente.


Não dá pra saber quando o mercado pagará o preço que faz jus ao valor, apesar de saber que isso vai acontecer, então é preciso ter paciência para esperar isso acontecer. É a soma desses esforços que vai te fazer ganhar dinheiro com segurança.


Cuide do risco

O value investing é investir com segurança, então é investir cuidando dos riscos, começando por entender que volatilidade não é risco e que risco de verdade é a perda permanente.


Ao confundir volatilidade com risco ou não entender a natureza do risco, investidores tendem a não diversificar ou a fazer isso de maneira errada, ao não escolher ativos que reagem de maneira diferente aos ciclos.


É assim que se diversifica, tirando a correlação.

Tenha em mente que você não precisa ganhar mais do que os outros na alta, apenas estar na média; mas você precisa ser um dos que menos perde na queda. Então um bom começo para o sucesso no investimento é um portfólio diversificado cada um dos ativos dificilmente provocará perdas permanentes.


O melhor ataque é a defesa

O value investing é basicamente escolher o investimento defensivo, escolher a defesa em vez do ataque. Ele faz isso exigindo comprar valor, comprando por preço baixo, evitando alavancagem de portfólio e diversificando.


Esse conjunto de ações dá ao investidor margem de erro, o que vai fazer com que ele invista com muito mais segurança do que a maioria. Invista na defesa.


Humildade

A maioria do mercado vive tentando adivinhar o que acontecerá no futuro e as apostas alavancadas que eles fazem nessas previsões é o que faz com que o mercado exagere nos movimentos.


O value investor não participa desse jogo, ele assiste os que acertam terem ganhos mais altos e os perdedores irem à bancarrota, mas permanece convicto com seu portfolio diversificado e preparado para o pior. Porque ele sabe que não vai quebrar como os perdedores e que os vencedores de hoje são apenas "idiotas sortudos" que serão perdedores no futuro.


Evite armadilhas, pense em valor e foque no longo prazo

O resultado superior do value investing só é reconhecido no longo prazo, quando evitaram uma série de armadilhas através dos ciclos de mercado, ao dar foco no valor dos ativos.


Então o desafio do investimento é resistir às armadilhas, se manter convicto na ideia de valor e superar as incertezas da economia e do nosso psicológico, para que no longo prazo você seja premiado com resultados superiores.


Não é fácil, nem é pra ser, como disse outros value investor.


ESSE É O RESUMO, SE QUISER AJUDA PRA INVESTIR, FALA COMIGO!


Muito Obrigado por ler meu texto!

16 visualizações
 

©2018 by Fred Pereira. Proudly created with Wix.com